Público poderá conhecer a parte interna do prédio histórico do Farol de Santa Marta

Público poderá conhecer a parte interna do prédio histórico do Farol de Santa Marta

Título: Público poderá conhecer a parte interna do prédio histórico do Farol de Santa Marta
Quando: 10/12/2019 à 11/12/2019 das 10:00hs `as 04:00hs
Onde: Farol de Santa Marta
Praia do Farol de Santa Marta
88790-000
Cidade: Laguna
Categoria: Sem categoria
Região: Encantos do Sul
Responsável: Delegacia da Capitania dos Portos em Laguna
Telefone: (48) 3644-0196
E-mail: dellaguna.ouvidoria@marinha.mil.br
Site do Evento: https://www.facebook.com/Delegacia.da.Capitania.Portos.Laguna/

Descrição

Nos dias 10 e 11 de dezembro, o público poderá conhecer o prédio de 1891 do Farol de Santa Marta por dentro, das 10h ás 16h, sendo a entrada um quilo de alimento não perecível. Parceria da Secretaria de Turismo.
A atividade faz parte das comemorações alusivas ao Dia do Marinheiro, 13 de dezembro, promovida pela Delegacia da Capitania dos Portos em Laguna. Dia 4, às 19h, terá apresentação da Banda de Fuzileiros Navais de Rio Grande (RS), no Cine Mussi, com entrada franca.
Segundo a Marinha, na ocasião haverá visitas guiadas ao interior do farol, seguidas de acesso ao topo da edificação apenas para os visitantes a partir de 11 anos.
Para participar da visitação, a Marinha solicita a doação de um quilo de alimento não perecível, que será destinado ao Asilo Santa Isabel de Laguna.

História
A estrutura foi projetado pelos franceses Barbier Bernard e Turenne, tornou-se símbolo turístico para Laguna e um aviso aos navegantes. Os 142 degraus das escadas verdes sobem 29 metros em espiral por dentro do farol.
Desde 1941, o sistema que acende a lâmpada e gira a enorme redoma de cristal é elétrico, mas toda a estrutura de 125 anos está em pleno uso, guiando quem está distante 85 quilômetros.
Além disso, também fornece informações meteorológicas e emite sinal de rádio para navios, também utilizado para a aviação. Para quem está em alto mar durante a noite, a luz se acende três vezes no intervalo de 30 segundos e o feixe de luz conecta o pescador à sua terra. O vento dobra as ondas, mas a torre branca sobre a colina permanece firme como o alicerce da comunidade.
Guarnecido pelos marinheiros responsáveis pela sua manutenção, a região ganhou os primeiros moradores no ano de 1909. As embarcações aprenderam a observar o feixe vermelho da luz voltado para o sul que indica a posição exata da Pedra do Campo Bom, a Laje da Jagua, traiçoeira formação rochosa que havia afundado o navio de Giuseppe Garibaldi em 1839 durante a Revolução Farroupilha.
O farol também passou a ser referência em terra. Sua presença cativou pescadores que tornaram a Praia do Cardoso, ao lado da torre, um ponto de encontro, onde todos os dias os barcos chegam com peixe fresco, carregados com a renda, o almoço e um punhado de causos salgados pela maresia. Se os primeiros chegaram e ficaram, a segunda geração nasceu sob a luz do farol.

Características:

– Inaugurado em 1891
– Alcance geográfico (visível durante o dia com tempo limpo): 22 milhas náuticas ou 40,7 quilômetros
– Alcance luminoso (à noite com tempo limpo): 46 milhas náuticas ou 85,1 quilômetros
– Altura da torre: 29 metros – Altitude: 74 metros
– Câmera de luz: formada por cerca de 300 cristais com 2,66 metros de diâmetro e 3 metros de altura. Lâmpada de 1000 watts – Característica: grupo de ocultação de três lampejos. No período de 30 segundos, fica 15 aceso; 5,5 apagado; 0,3 acesso; 3,4 apagado; 0,3 acesso e 5,5 apagado
Como chegar: O Farol está a 20 quilômetros do centro de Laguna, ao sul, passando pelo canal da Lagoa Santo Antônio, pela balsa e utilizar a SC-100

Mais Informações sobre o Evento

* Campos de preenchimento obrigatório