Os pontos mais importantes da recepção ao turista argentino, a partir do início de janeiro, fizeram parte da pauta da reunião realizada na Prefeitura de Uruguaiana na tarde desta segunda-feira, 18. A intenção é proporcionar segurança e praticidade na recepção aos cerca de dois milhões de turistas que passam a chegar ao país através da fronteira de Uruguaiana e Paso de los Libres. O presidente da Santur, Valdir Walendowsky, participou da reunião.

reunião_Uruguaiana.jpg

Contando com a presença de órgãos de segurança e fiscalização, consulado argentino e autoridades municipais e estaduais, além de uma comitiva de Santa Catarina, o encontro estabeleceu todas as responsabilidades durante o período de três meses.

Para o cônsul argentino Alejandro José Massuco o item mais importante é quanto à segurança no trânsito. O deslocamento dos argentinos preocupa bastante a autoridade diplomática. “Fevereiro é o mês com maior fluxo, pois muitos estão se deslocando para a praia e outros tantos voltando”, ressaltou Massuco.

Conforme o policial rodoviário federal Alex Cavalcante na atual temporada as multas aplicadas aos argentinos não serão somente fiscalizadas no momento de saída dos “hermanos”. Segundo ele, uma força-tarefa envolvendo os postos da PRF ao longo das rodovias será desenvolvida para evitar intensas filas que se formaram junto à Aduana Brasileira no ano passado. “Queremos evitar o congestionamento excessivo no momento em que os turistas estão de retorno para casa”, argumentou o policial. Salientou ainda, que toda a estrutura será montada para que o argentino, que tenha sido multado, pague ainda no Brasil as infrações. “Não iremos cobrar multas, por exemplo, no horário em que as agências bancárias não estiveram à disposição dos turistas”, acrescentou.

O prefeito Ronnie Mello disse que toda a infra-estrutura necessária para que a recepção ao turista se dê da melhor forma foram disponibilizadas junto à Aduana Brasileira, em Uruguaiana. “Estamos vivendo um momento histórico, pois todas as autoridades que tratam do tema estão reunidas para deixar tudo pronto para receber os argentinos”, garantiu.

Para que isso aconteça, a Administração Municipal organizou com as principais secretarias, uma série de ações para que tudo ocorra dentro do esperado. Um trabalho conjunto da Secretaria Estadual de Turismo e da Comissão do Mercosul da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, que tem na presidência o deputado estadual Frederico Antunes, vem sendo desenvolvido, dando suporte necessário para que o processo aconteça. 

Um espaço para receber o turista foi montado, proporcionando toda a infra-estrutura necessária para que sejam atendidas as suas necessidades. No CIAT (Centro Integrado de Atendimento ao Turista) serão 20 estagiários trabalhando em três turnos ao longo da temporada.

O chefe da Polícia Federal em Uruguaiana, André Luiz Epifânio, disse durante o encontro que garantiu um repasse de cerca de R$ 1,8 milhão para serem aplicados no pagamento de diárias, horas-extras e deslocamentos de policiais para atuarem na fronteira durante a temporada de veraneio argentino.

O projeto Verão 2017/2018 “Camino del Turista” contemplará Uruguaiana com placas indicativas que irão auxiliar os turistas quando chegarem à fronteira. Uma parceria com investimento privado gerou a confecção da sinalização.

Além disso, grandes barracas foram montadas junto à Aduana para que o turista tenha acesso de forma mais confortável às informações. No local, além de praça de alimentação, os argentinos receberão informações importantes para o seu período de permanência no Brasil. Ainda foram instalados banheiros químicos para serem utilizados no período.

A Brigada Militar estará monitorando diuturnamente o local, com uma guarnição específica para acompanhar a movimentação. O major Gérson Mello, comandante do 1º BPAF, garantiu ainda, um possível reforço para que a segurança seja intensificada em momentos de pico de movimento.

A reunião contou ainda com representantes do Estado de Santa Catarina. Estiveram em Uruguaiana, Valdir Rubens Walendowsky, presidente da SANTUR (Santa Catarina Turismo S/A) e o secretário de turismo de Balneário Camboriú, Miro Teixeira. A intenção do grupo é intensificar as relações com a fronteira iniciadas durante a 15ª FIT (Feira Internacional de Turismo), realizada em Buenos Aires.

Com a aproximação dos catarinenses, a troca de experiências e possibilidade de realizarem-se ações conjuntas em benefício do turismo já começa a ser montada. “Com essas trocas de informações, só temos a ganhar”, explica Walendowski. Ao todo, 12% do PIB de Santa Catarina são gerados pelo turismo. “Temos cerca de 600 mil catarinenses trabalhando com o turismo”, garantiu.

Acompanhou o grupo de Santa Catarina, o uruguaianense Omar Tomalih, atual Secretário de Articulação Governamental de Balneário Camboriú. Juntos, eles voltam nesta quarta-feira (19) à Santa Catarina, a bordo do avião da empresa aérea Azul, no primeiro vôo entre Uruguaiana e Florianópolis, marcado para sair do aeroporto Rubem Berta às 13h40min. 

 

Fonte: Prefeitura Municipal de Uruguaiana